sexta-feira, 21 de junho de 2019

E. M. Cioran, A TENTAÇÃO DE EXISTIR (1956)

«Não há obra que não se volte contra o seu autor: o poema esmagará o poeta, o sistema o filósofo, o acontecimento o homem de acção.» 

A Tentação de Existir (1956) 
(trad. Miguel Serras Pereira e Ana Luísa Faria)

Sem comentários:

Publicar um comentário