domingo, 13 de janeiro de 2019

confrontações com Svetlana Alexievich, A GUERRA NÃO TEM ROSTO DE MULHER (1985)


A Guerra não Tem Rosto de Mulher «A guerra era sempre lembrada: na escola e em casa, nos casamentos e nos baptismos, nas festas e nos almoços fúnebres.»  (1985)  (trad.Galina Mitrakhovich)

Sem comentários:

Publicar um comentário